4 Comentários

  1. Junior Prado

    Realmente tendemos a ajudar mais os filhos que não tem bons resultados e isso pode ser prejudicial para eles mesmos. Devemos incentiva-los a melhorar, e dar as coisas não incentiva em nada.

    Responder
    1. Tiago Waterkemper

      Com certeza Junior.
      Devemos ser muito cautelosos nesse ponto.

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *