TÍTULOS DE DÍVIDA

TÍTULOS DE DÍVIDA

Quando colocamos nosso dinheiro em qualquer tipo de investimento de renda fixa, nada mais estamos fazendo que não comprando títulos de dívida.

Todos os títulos em que investimos atestam uma dívida contraída pelo emissor. Representam uma promessa de pagamento de quem tomou o dinheiro emprestado a quem emprestou o dinheiro (nós).

O CDB – Certificado de Depósito Bancário –, a LCI – Letra de Crédito Imobiliário – e a LCA – Letra de Crédito do Agronegócio –, por exemplo, são títulos de dívida emitidos por bancos. Os bancos tomam o nosso dinheiro emprestado e, em contrapartida, emitem esses títulos.

A LC – Letra de Câmbio – é um título de dívida emitido por financeiras. Quando investimos em uma LC estamos, na verdade, emprestando dinheiro a uma financeira.

As Debêntures são títulos que atestam dívidas de empresas. A promessa de pagamento de uma debênture sempre vem da empresa que a emitiu.

Já os títulos públicos que negociamos no Tesouro Direto são títulos emitidos pelo Governo Federal. O Tesouro toma nosso dinheiro emprestado para investir em educação, indústria e infraestrutura, entre outros. Em contrapartida, emite um título para atestar essa dívida que passa a ter conosco.

Assim, todo investimento de renda fixa que fazemos é um empréstimo. Empréstimo esse que é atestado por um título de dívida emitido pela instituição que tomou o nosso dinheiro emprestado.

CARACTERÍSTICAS DOS TÍTULOS DE DÍVIDA

Títulos de Dívida

Todos esses títulos de dívida possuem algumas características:

  1. Emissor: é a identificação de quem emitiu o título. Mostra quem é a instituição que está tomando o dinheiro emprestado e assumindo a dívida.
  2. Valor: é a quantificação da dívida. Mostra exatamente quanto está sendo emprestado.
  3. Taxa de Juros: é a remuneração do empréstimo. Mostra quanto o emissor pagará ao investidor pelo “aluguel” do seu dinheiro.
  4. Vencimento: é a data do pagamento. Mostra quando o emissor devolverá ao investidor o dinheiro emprestado.

EXEMPLOS DE TÍTULOS DE DÍVIDA

Vamos ver alguns exemplos clássicos de títulos de dívida?

Exemplo #1:

Títulos de Dívida
United States Bond, Series E, 1942

Esse primeiro exemplo é um título emitido pelo Tesouro Americano em 1942.

O valor dele está estampado nas bordas ($ 25,00).

Há uma pequena tabela que disciplina a remuneração e as datas de vencimento do título. Quanto mais tempo o investidor ficasse com o título, mais ele receberia.

No momento do resgate, o investidor receberia o valor investido acrescido dos juros prescritos na tabela.

Exemplo #2:

Títulos de Dívida
United States Bond, Series K, 1935

Esse segundo título, emitido pelo Tesouro Americano em 1935, tem uma peculiaridade: o pagamento dos juros era feito semestralmente, e o montante principal, pago ao final.

Veja, que o portador do título, a cada seis meses, simplesmente destacava o cupom e se dirigia à agência pagadora para receber os juros acordados.

É exatamente assim que são feitos os pagamentos dos juros dos títulos do Tesouro Direto pré-fixado com juros semestrais e IPCA+ com juros semestrais.

Apesar de não ser mais necessário apresentar os cupons semestrais para receber os juros, o termo “cupons” até hoje é utilizado!

Exemplo #3:

Títulos de Dívida
Letra do Tesouro Nacional, 1972

Já esse terceiro título é um modelo de LTN emitido pelo Tesouro Nacional em 1972.

Note que, assim como os demais, ele especifica todas as quatro características de um título de crédito: emissor, valor, juros e vencimento.

TÍTULOS NA ERA DIGITAL

Títulos de Dívida

Com a “digitalização” do sistema bancário, os títulos de crédito também seguiram esse caminho. Deixaram de existir em forma de papel.

Hoje, os investidores podem verificar os seus títulos e acompanhar a rentabilidade de cada um (a grande maioria tem rentabilidade diária) no site ou nos aplicativos do seu banco ou corretora.

No caso do Tesouro Direto, pode-se acessar a qualquer momento a área exclusiva para investidores no site da BMF&Bovespa para a verificação do extrato.

A compra e a venda dos títulos de renda fixa também passaram a ser feitas pela internet.

 

Sumário
TÍTULOS DE DÍVIDA - ENTENDA TUDO SOBRE ELES!
Artigo
TÍTULOS DE DÍVIDA - ENTENDA TUDO SOBRE ELES!
Descrição
Saiba tudo sobre os títulos de dívida. O que são, suas características, como funcionam, quem os emitem, etc. Desde os clássicos até a era digital!
Autor
Site
Guia do Milhão

5 Comentários


  1. Olá.
    Gostaria de saber mais sobre CDCA e NCE.
    Obrigado!

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *